Dia Nacional da Poesia - este laço de fita...

 (Castro Alves)

Deixo aqui meu singelo parabém para todos os amigos da Poesia que hoje faz festa. Lembrando que neste dia o nosso ilustre mestre condoreiro Castro Alves estaria acendendo a sua 164ª velinha! Em homenagem a todos nós, amantes da Poesia, deixo um belo poema dele.


Laço de Fita

Não sabes, criança? 'Stou louco de amores...
Prendi meus afetos, formosa Pepita.
Mas onde? No templo, no espaço, nas névoas?!
Não rias, prendi-me
Num laço de fita.

Na selva sombria de tuas madeixas,
Nos negros cabelos da moça bonita,
Fingindo a serpente qu'enlaça a folhagem,
Formoso enroscava-se
O laço de fita.

Meu ser, que voava nas luzes da festa,
Qual pássaro bravo, que os ares agita,
Eu vi de repente cativo, submisso
Rolar prisioneiro
Num laço de fita.

E agora enleada na tênue cadeia
Debalde minh'alma se embate, se irrita...
O braço, que rompe cadeias de ferro,
Não quebra teus elos,
Ó laço de fita!

Meu Deusl As falenas têm asas de opala,
Os astros se libram na plaga infinita.
Os anjos repousam nas penas brilhantes...
Mas tu... tens por asas
Um laço de fita.

Há pouco voavas na célere valsa,
Na valsa que anseia, que estua e palpita.
Por que é que tremeste? Não eram meus lábios...
Beijava-te apenas...
Teu laço de fita.

Mas ai! findo o baile, despindo os adornos
N'alcova onde a vela ciosa... crepita,
Talvez da cadeia libertes as tranças
Mas eu... fico preso
No laço de fita.

Pois bem! Quando um dia na sombra do vale
Abrirem-me a cova... formosa Pepital
Ao menos arranca meus louros da fronte,
E dá-me por c'roa...
Teu laço de fita.

Comentários

Linda homenagem amiga.

Parabéns a todos os Poetas que nos encantam com suas belas poesias.

beijooo.
Sizií disse…
Alves é mesmo fantastico.

Abraços
Sidney Andrade disse…
Caríssima Jaque!
O DiVAGANTE recebeu um selo. Como quem ganha tem que oferecer, e como eu acho que teu espaço merece, indiquei seu blog. Passa lá pra buscar. ;)
o link direto: http://sidneyandrade.blogspot.com/2011/03/um-selo.html

Grande Beijo.
Tai disse…
http://www.youtube.com/watch?v=fU1x8Ll62QE

Já não se fazem mais homens como esse né...

Achei a coisa mais linda, e resolvi compartilhar com vc, esse momento de doçura.

Um beijo
Passando para dizer que te achei... ^^ Te seguindo, amiga... Bjooo
Amizade


Não lembro datas ... Não me dedico a fazer contas, Nem fico imaginando até quando .... Simplesmente, porque amigos não são números Amizade é presença permitida, Ausência necessária E sempre presente , Esteja longe, Esteja ao lado, Esteja onde estiver... E o amor que dedico a um amigo é algo sem palavras É sorrir por dentro ... Chorar de emoção... Calar se preciso...


(Alice Ruiz).

FELIZ DIA DO BLOGUEIRO!

Um gdeeeeeeee abraço amiga.

beijooo.

Postagens mais visitadas deste blog

Descendentes de Ares, doentes de um ódio cancerígeno

Poema do sim e do não

Amor jamais será essa coisa pálida que faz você se sentir pequeno e esquecido