Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2010

Não há nenhum mar

Imagem
(Imagem: Google)
Não há nenhum mar Nenhum poema Nem sei se vou dizer Palavra. O mar O mar Que se deixa Que se volta Sem me beijar. Não há nenhum segredo Nenhuma explosão Nem sei se posso ser O ar O ar Que respira Que expira Sem enxergar. Não há nenhum mar Nenhum ar Eu sou o vento...
Jaquelyne Costa - Janeflí desde nascença