Perdão


Ouvindo Leminski...


Perdão.

Minha maestria

é pura alegoria

eu que nem sei escrever...



Jaquelyne de Almeida Costa

Comentários

MEUS PENSAMENTOS disse…
sua maestria no é motivo para perdão e sim para parza\béns bjs e bom fim de semana!
lua foi feita pra nós
sol é você...

lindo poema,
e quando diz assim
sinto ao pé do ouvido...

beijos e luz e amor e fome de ser

do todo seu menino-homem.
Léo Metallica disse…
Eu não reconheço humildade/modéstia desnecessária.

Direto do Rio.
Beijos.
Barbara disse…
Pós perdão, não precisamos de nada.
Perdão é a porta.
E a janela.
Depois do corredor.
Alice Brasil disse…
Imagem linda. Não peça licença para existir, apenas seja.


Beijos!!!


Meg Macedo.
Texto e imagens lindissimos Jaque, parabéns uma vez mais por tanta sensibilidade

beijinho do lado de cá do Atlantico

Postagens mais visitadas deste blog

Descendentes de Ares, doentes de um ódio cancerígeno

Amor jamais será essa coisa pálida que faz você se sentir pequeno e esquecido

Poema do sim e do não