Perdão


Ouvindo Leminski...


Perdão.

Minha maestria

é pura alegoria

eu que nem sei escrever...



Jaquelyne de Almeida Costa

Comentários

MEUS PENSAMENTOS disse…
sua maestria no é motivo para perdão e sim para parza\béns bjs e bom fim de semana!
lua foi feita pra nós
sol é você...

lindo poema,
e quando diz assim
sinto ao pé do ouvido...

beijos e luz e amor e fome de ser

do todo seu menino-homem.
Léo Metallica disse…
Eu não reconheço humildade/modéstia desnecessária.

Direto do Rio.
Beijos.
Barbara disse…
Pós perdão, não precisamos de nada.
Perdão é a porta.
E a janela.
Depois do corredor.
Alice Brasil disse…
Imagem linda. Não peça licença para existir, apenas seja.


Beijos!!!


Meg Macedo.
Texto e imagens lindissimos Jaque, parabéns uma vez mais por tanta sensibilidade

beijinho do lado de cá do Atlantico

Postagens mais visitadas deste blog

Poema do sim e do não