Flores para a querida Ester!

Ester, aqui vai uma pequenina homenagem para o seu Happy Day!!


Com muito carinho e amor lhe dou estas flores, símbolo da eterna amizade e ternura com que você sempre me tratou!!




Feliz Aniversário, minha querida!!



Você é muito especial e merece nosso carinho!!Nossas palavras!!


Um grande beijo daquela que é porque tem de ser!!

Aqui uma letra de música de Roberto Carlos que representa bem o amor que Ester tem por todos nós:

Eu Quero Apenas

Composição: Roberto Carlos / Erasmo Carlos

Eu quero apenas olhar os campos,

Eu quero apenas cantar meu canto,

Eu só não quero cantar sozinho,

Eu quero um coro de passarinho,

Quero levar o meu canto amigo,

A qualquer amigo que precisar.

Eu quero ter um milhão de amigos

E bem mais forte poder cantar

Eu quero ter um milhão de amigos

E bem mais forte poder cantar

Eu quero apenas um vento forte,

Levar meu barco no rumo norte

E no caminho o que eu pescar

Quero dividir quando lá chegar

Quero levar o meu canto amigo

A qualquer amigo que precisar

Eu quero crer na paz do futuro,

Eu quero ter um quintal sem muro

Quero meu filho pisando firme,

Cantando alto,

sorrindo livre

Quero levar o meu canto amigo

A qualquer amigo que precisar

Eu quero amor decidindo a vida,

Sentir a força da mão amiga

O meu irmão com sorriso aberto,

Se ele chorar quero estar por perto

Quero levar o meu canto amigo

A qualquer amigo que precisar

Venha comigo olhar os campos,

Cante comigo também meu canto

Eu só não quero cantar sozinho,

Eu quero um coro de passarinhos

Quero levar o meu canto amigo

A qualquer amigo que precisar

Comentários

Huauhuauuuu!!!!

Ah, Jaque, só agora estou vendo sua festa para mim, meu anjo!

Ninguém me avisou :(


Obrigada de coração, querida!!
Que delicadeza e generosidade a sua!
Fiquei comovida e muito feliz!


bjs querida!
Ester, minha querida!
Nem precisa agradecer!!
Você merece isso e muito mais!!

Um enorme beijo=*

Postagens mais visitadas deste blog

Descendentes de Ares, doentes de um ódio cancerígeno

Poema do sim e do não

Amor jamais será essa coisa pálida que faz você se sentir pequeno e esquecido