Abaixo de nossos pés


Há mortos a cada pedaço do chão
Que se encontra abaixo de nossos pés.

Abaixo de ti
Há todas as minhas lembranças
E o meu coração sepultado
Prematuramente.

Teus pés encharcados
De pretéritos sonhos meus.



Jaquelyne de Almeida Costa

Comentários

BAh disse…
Puxa, fazia tempo que eu não vinha aqui!
Se os feeds não me lembram, o meu tempo não me permite lembrar todos os dias... E não consegui assinar o feed do seu blog. :S

Eu me lembro de uma vez ter ouvido algo do tipo "cuidado onde pisas, pois espalhei meus sonhos aos teus pés".

Acho que não deveríamos deixar nosso coração ser sepultado jamais.

bom domingo!
=*
BAh disse…
Apenas corrigindo: nossos corações...

E só para constar que agora consegui assinar o feed. =)
A gente não cansa de navegar nos teu lugar... a cada novo escrito, um impacto, aquela sensação de vida... você faz do sentimento algo tocável, você faz da vida algo tão profundo, que passei a refletir mais... Parabéns!
GIUSEPPE MENEZES disse…
Texto extraordinário porém obscuro, Jaquelyne. Queria saber o que se passa nesta sua cabecinha...

Ah, eu também tive o mesmo problema com esse feed, Barbara. Mas eu também já consegui.
Jaquelyne disse…
Bah, fazia tempo mesmo, menina!!!
Obrigada por ter vindo, tá?!
Eu tinha um probleminha no meu feed mesmo, mas o poderoso Gepp me alertou!!!=)

Pois é,alguns sonhos meus foram pisoteados, mas eu os recolhi e tratei deles. Estavam como bichinhos arredios...esntristecidos...
Mas, o coração sepultado foi somente uma casca, ainda há em mim a chama que o aquece e revive meu peito.

Beijos,Bah!!
Jaquelyne disse…
Abraão, suas palavras são presentes para minha alma sensível e arrebatada!
Muito obrigada por visitar e ler e gostar do que aqui deixo escrito!!
Espero vê-lo mais vezes!!
Um grande abraço!
Jaquelyne disse…
Ah, Gepp!!
Todo amor desfeito é algo obscuro...
São experiências minhas...
Na minha cabecinha voam palavras de alegria, de sofrimento, de tristeza, de pouca sabedoria adquirida...enfim palavras que são feitas na minha vida e fazem a minha vida também!!!
;)
Fernando disse…
amei vc ter passadu em meu blog. mah mei + ainda ter visto teus ótimos poemas. eles realmente revelam mto de vc.
tchaw jak.
Jaquelyne disse…
Obrigada, Fê!!
Eu que amei teu blog, rapaz!!
Um beijo=**
Juci disse…
Mto forte suas palavras, e são bem verdades que já havia pensado nisso... mas qto ao final é o que mais choca..
Jaquelyne disse…
Ah, é!
As verdades chocam, mas são verdades.
Os sonhos, os nossos sonhos as vezes são esmagados pelos outros.
Mas eu tento sempre recuperar alguns!!

Beijos, amiga!!

Postagens mais visitadas deste blog

Descendentes de Ares, doentes de um ódio cancerígeno

Poema do sim e do não

Amor jamais será essa coisa pálida que faz você se sentir pequeno e esquecido