In memorian

Se tens um coração de ferro, bom proveito. O meu, fizeram-no de carne, e sangra todo dia.



José Saramago

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Descendentes de Ares, doentes de um ódio cancerígeno

Amor jamais será essa coisa pálida que faz você se sentir pequeno e esquecido

Poema do sim e do não